Buscar
  • varadainfancia

De invisíveis para visíveis: A.DOT

O aplicativo A.DOT foi o responsável por garantir uma chance a mais às crianças e adolescentes que estão em busca de um lar.


As pessoas que utilizam o aplicativo A.DOT, que completa um ano de existência, já têm muita história para compartilhar. Desde que passou a funcionar no Paraná, sete crianças e adolescentes ganharam um lar. Duas adolescentes (irmãs), que estavam em uma instituição em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), foram adotadas por um casal que reside na região norte do Estado. Outra adolescente, que estava inserida no A.DOT, foi adotada por um casal de São Paulo. E essas histórias cheias de amor e esperança não terminam por aqui...

Atualmente, o aplicativo A.DOT possui 117 crianças e adolescentes cadastrados. Desse total, 17 estão em estágio de convivência e outros 20 processos encontram-se em análise nas Varas de Infância e Juventude do Estado.

De acordo com o Juiz Auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça e idealizador do projeto, Sérgio Luiz Kreuz, o A.DOT é mais uma ferramenta para garantir que essas crianças e adolescentes, muitas vezes esquecidos pela sociedade, tenham a possibilidade de encontrar um lar. “O abrigo é muito cruel, ele não permite que a criança ou adolescentes construa vínculos de afinidade e de afetividade. Quando alcançam a maioridade, simplesmente, recebem como presente de aniversário a sua despedida do acolhimento. E, assim, estão sozinhos no mundo! Eles têm que se virar sozinhos. Já não possuem mais vínculos com a sua família de origem, não têm mais ninguém que olhe por eles.   Nós temos que fazer cumprir a Constituição Federal, principalmente o artigo 227, pois é dever do Estado assegurar e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes. A adoção é uma dessas formas, por isso a tecnologia vem ao encontro para assegurar esse direito”, esclarece.

Solenidade

Nesta terça-feira (28/5), às 17h30, será realizado um evento no Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) em comemoração aos resultados do aplicativo A.DOT, que também completa um ano de funcionamento. A solenidade acontece no Auditório Modular da Esplanada do Prédio Anexo ao Palácio da Justiça, localizado na Rua Prefeito Rosaldo Gomes Mello Leitão, s/n, Centro Cívico – Curitiba/PR.

Conheça o aplicativo

O idealizador do projeto Sérgio Luiz Kreuz conversou com a equipe de comunicação do TJPR e, no vídeo, explicou como essa ideia está logrando êxito não só no Paraná, mas também em outros Estados brasileiros, que vêm solicitando o uso do aplicativo. Até semana passada, mais de 12 mil acessos foram registrados no app.


Acesse na integra click aqui


42 visualizações
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social